Cortes no fornecimento de água por falta de pagamento estão suspensos por 90 dias

A Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) suspendeu o corte do fornecimento de água por inadimplência durante 90 dias, cumprindo a determinação do Governador do Estado do Pará, Helder Barbalho. A Companhia estendeu a determinação que anteriormente era de 30 dias, publicada na edição extra do Diário Oficial do Estado, do dia 20 de março de 2020. Com isso, os cortes de água por inadimplência estão suspensos até o dia 19 de junho de 2020.

A medida foi tomada por conta das circunstâncias da Pandemia de Covid-19 e evitar que os clientes que, por ventura, não consigam arcar com o pagamento da conta tenham o serviço suspenso pela falta de pagamento. “A tarifa tem um custo que não deixou de existir: os custos de energia elétrica, produtos químicos, distribuição, pessoal. Então, é importante que haja um esforço para deixar as contas em dia. Quem não puder, pode ficar tranquilo que não haverá corte por inadimplência”, explicou o presidente José Antonio De Angelis.

É importante lembrar que as contas vão continuar sendo cobradas, visto que o serviço continuará sendo fornecido. “O que vamos deixar de fazer é de cortar o serviço mesmo que a pessoa deixe de pagar a conta. Se puder continuar pagando a conta, o cliente deve continuar pagando”, acrescentou De Angelis.

Consumo consciente

Neste momento, em que mais pessoas estão mais tempo dentro de casa, o consumo de água tende a aumentar. Por isso, também é imprescindível a conscientização sobre o consumo racional da água. Além disso, a determinação de suspensão também não impede que haja interrupção do fornecimento de água para resolução de problemas emergenciais que surjam na rede ou para realização de manutenções necessárias.

“Os problemas de manutenção, os problemas do sucateamento que a empresa sofreu não desapareceram, os 25 anos de sucateamento que a empresa teve não daria para recuperar em um ano. Nós vamos continuar tendo problemas de vazamento, de manutenção, paralisações. Mas, sempre que possível, vamos informar o mais rápido possível. Então, é importante neste momento, ter uma caixa d’água de pelo menos 500 litros para ter uma reserva em casa para 24 horas em situações de paralisação do abastecimento. Em casos críticos, maiores a 24 horas, estamos providenciando carros-pipa. Estamos fazendo o possível para não deixar a população sem água, neste momento crítico”, finalizou o presidente da Cosanpa.

Compartilhar no: